ADMINISTRAÇÃO APOSTÓLICA

This is a repeating event

SANTA TERESINHA DO MENINO JESUS

03outAll DaySANTA TERESINHA DO MENINO JESUS

Event Details

ORDO

Na Administração Apostólica Pessoal São João Maria Vianney: Santos André de Soveral, Ambrósio Francisco Ferro e Companheiros, Mártires: III classe, vermelho.

Ofício: ordinário (cf. título XI, n. 18) do Comum de vários Mártires. – Matinas com único noturno, Leituras 1ª e 2ª (=2ª+3ª) da Escritura ocorrente In diébus illis, 3ª Leitura do Comum (1ª do II noturno), Te Deum.

Missa: do Comum de vários Mártires, com Glória, sem Credo, Prefácio do Comum ou o dos Mártires. – Vésperas da festa. – Completas da féria.

Fora da Administração Apostólica: Santa Teresinha do Menino Jesus, Virgem, III classe, branco (R3-V3).

Ofício: ordinário. – Matinas com único noturno, Leituras 1ª e 2ª (=2ª+3ª) da Escritura ocorrente In diébus illis, 3ª Leitura da festa Terésia a Iesu Infánte, com Te Deum. – Vésperas da festa.

Missa: própria Veni de Libano, com Glória, sem Credo, Prefácio Comum.

Missa ad libitum (cf. título XLIII): – Santos André de Soveral, Ambrósio Francisco Ferro e Companheiros, Mártires (vermelho): do Comum de vários Mártires, com Glória, sem Credo, Prefácio do Comum ou o dos Mártires.


 

SANTA MISSA
Na Administração Apostólica Pessoal São João Maria Vianney:
DIA 3 DE OUTUBRO
SANTOS ANDRÉ DE SOVERAL, AMBRÓSIO FRANCISCO FERRO E COMPANHEIROS
Mártires

 

Fora da Administração Apostólica:

DIA 3 DE OUTUBRO

SANTA TERESINHA DO MENINO JESUS

Virgem

III classe, com Glória, sem Credo, paramentos brancos

INTRÓITO

(Ct. 4, 8-9)

VENI de Líbano, sponsa mea, veni de Líbano, veni: vulnerásti cor meum, soror mea sponsa, vulnerásti cor meum. Ps. 112, 1 Laudáte, púeri, Dóminum: laudáte nomen Dómini. Gloria Patri.

VINDE do Líbano, ó minha esposa; Vinde do Líbano, vinde. Tu feriste o meu coração, minha irmã, minha esposa; tu feriste o meu coração. Sl 112, 1 Louvai o Senhor, ó meninos; louvai o nome do Senhor. Glória ao Pai.

COLETA

DÓMINE, qui dixisti: Nisi efficiámini sicut párvuli, non intrábitis in regnum cœlórum: da nobis, quǽsumus: ita sanctæ Teresiæ Vírginis in humilitáte et simplicitáte cordis vestígia sectári, ut prǽmia consequámur ætérna. Qui vivis.

SENHOR, que Vos dignastes ensinar-nos “Se vos não tornardes semelhantes a estes pequenos não entrareis no reino dos céus”, concedei-nos, Vos suplicamos, que de tal modo imitemos os exemplos da humildade e simplicidade da Virgem Santa Teresa que consigamos alcançar os prêmios eternos. Vós, que viveis e reinais.

EPÍSTOLA

(Is. 66, 12-14)

Epístola Léctio Isaíæ Prophétæ.

HÆC dicit Dóminus: Ecce, ego declinábo super eam quasi flúvium pacis, et quasi torréntem inundántem glóriam géntium, quam sugétis: ad úbera portabímini, et super génua blandiéntur vobis. Quómodo si cui mater blandiátur, ita ego consolábor vos, et in Jerúsalem consolabímini. Vidébitis, et gaudébit cor vestrum, et ossa vestra quasi herba germinábunt, et cognoscétur manus Dómini servis ejus.

Leitura do Profeta Isaías.

ASSIM fala o Senhor: “Eis que farei correr sobre ela como que um rio de paz; e como que uma torrente caudalosa inundará com riquezas os povos. Sereis alimentados com leite, acalentados no seu seio e acariciados sobre os seus joelhos. Eu vos consolarei, como aquele a quem a mãe consola; e serei a vossa alegria em Jerusalém. Vê-lo-eis, e regozijar-se-á o vosso coração; os vossos ossos reconquistarão o vigor, como a erva dos campos; e a mão do Senhor se manifestará em favor dos seus servos”.

GRADUAL

(Mt. 11, 25)

Confíteor tibi, Pater, Dómine cœli et terræ, quia abscondísti hæc a sapiéntibus, et prudéntibus, et revelásti ea párvulis. V. Ps. 70, 5 Dómine, spes mea a juventúte mea.

Dou-Vos graças, ó Pai, Senhor do céu e da terra, porque ocultastes estas cousas aos sábios e aos prudentes deste mundo, e as revelastes aos “pequenos”. V. Sl 70,5 Sois a minha esperança, Senhor, desde a minha juventude.

ALELUIA

(Eccli. 39, 17-19)

ALLELÚJA, allelúja. V. Quasi rosa plantáta super rivos aquárum fructificate: quasi Libanus odórem suavitátis habete: florete, flores, quasi lílium, et date odórem, et frondete in grátiam, et collaudate cánticum, et benedicite Dóminum in opéribus suis. Allelúja.

ALELUIA, aleluia. V. Frutificai, como a rosa plantada à beira das águas; espalhai vosso suave perfume, como o monte Líbano; como os lírios, desabrochai vossas flores e exalai vossos perfumes; enchei-vos de beleza; entoai hinos e cânticos em honra do Senhor, louvando-O Pela magnificência das suas obras. Aleluia.

 EVANGELHO

(Mt. 18, 1-4)

Sequéntia sancti Evangélii secúndum Matthǽum.

IN illo témpore: Accessérunt discípuli ad Jesum, dicéntes: Quis, putas, major est in regno cœlórum? Et advocans Jesus párvulum, státuit eum in médio eórum, et dixit; Amen, dico vobis, nisi convérsi fuéritis, et efficiámini sicut párvuli, non intrábitis in regnum cœlorum. Quicúmque ergo humiliáverit se sicut párvulus iste, hic est major in regno cœlórum.

Continuação do santo Evangelho segundo São Mateus.

NAQUELE tempo, aproximaram-se de Jesus os seus discípulos, dizendo-Lhe: “Qual pensais Vós que é o maior no reino dos céus?”. E Jesus, havendo chamado um pequeno, colocou-o no meio deles e disse: “Em verdade vos digo: se vos não converteis e não vos tornais como os pequenos, não entrareis no reino dos céus”.

OFERTÓRIO

(Lc. 1, 46-48 e 49)

MAGNÍFICAT ánima mea Dóminum: et exsultávit spíritus meus in Deo salutári meo: quia respéxit humilitátem ancíllæ suæ: fecit mihi magna qui potens est.

A MINHA alma engrandece o Senhor e o meu espírito alegra-se em Deus, meu Salvador, pois Ele dignou-se olhar benignamente para a humildade da sua escrava; e praticou em mim grandes cousas.

SECRETA

SACRIFÍCIUM nostrum tibi, Dómine, quǽsumus, sanctæ Terésiæ Vírginis tuæ precátio sancta concíliet: ut, in cujus honóre sollémniter exhibétur, ejus méritis efficiátur accéptum. Per Dóminum

SENHOR, Vos suplicamos, permiti que a oração da vossa Virgem Santa Teresa Vos torne agradável o nosso sacrifício, a fim de que por Vós seja aceite, pelos méritos daquela em cuja honra Vo-lo oferecemos. Por Nosso Senhor.

Prefácio Comum.

COMUNHÃO

(Dt. 32, 10-12)

CIRCUMDÚXIT eam, et dócuit: et custodívit quasi pupíllam óculi sui. Sicut aquila expándit alas suas, et assúmpsit eam, atque portávit in húmeris suis. Dóminus solus dux ejus fuit.

RODEOU-A, protegeu-a e guardou-a, como à pupila dos seus olhos. Como a águia, abriu suas asas, arrebatou-a e colocou-a sobre os seus joelhos. O Senhor foi o seu único guia.

PÓSCOMUNHÃO

ILLO nos, Dómine amóris igne cœléste mystérium inflámmet: quo sancta Teresia Virgo tua se tibi pro homínibus caritátis víctimam devóvit. Per Dóminum

QUE este mistério, Senhor, nos abrase no fogo celestial, ao qual a vossa Virgem Santa Teresa se ofereceu como vítima de amor pelos homens. Por Nosso Senhor.

 

 


Ver VIDA DOS SANTOS: Santa Teresinha do Menino Jesus

more

Time

All Day (Terça-feira)